Colunistas
 
 
Ademar Fagundes
Jornalista e Radialista
ademarfagundes@terra.com.br
 
 
13/05/2016
 
VAI OU NÃO?
Chama atenção o marasmo em que se encontra esse período pré-eleitoral em Lagoa Vermelha. Um clima frio. Até parece que não teremos eleição em outubro. A única coisa certa até agora é que o PDT terá candidato. Não se sabe quem, afinal há três pré-candidatos. E a oposição? O nome mais comentado é o de Altair Rech Ramos. Todavia, ninguém sabe se realmente vai ou não concorrer. Tudo cercado de muito mistério. Vai ou não? É a pergunta que mais se ouve no meio político

ACABOU O MISTÉRIO
Pois, acabou o mistério. Altair Rech Ramos vai concorrer, sim. Ele garantiu isso? Não. Como posso, então, afirmar que vai concorrer. É que na quarta-feira tomei conhecimento de que encaminhou pedido de desincompatibilização da Secretaria Estadual da Fazenda e do Conselho Deliberativo do Sindicato de sua categoria (é presidente). Isso é prova de que vai mesmo concorrer.

NOME MAIS FORTE
No sábado nos encontramos com Altair Ramos no Food Truck Festival. Conversamos muito. Falou de suas decepções com algumas coisas da política local e do dilema em concorrer ou não a prefeito. Há uma série de implicações. A coisa não é tão simples assim. Admitiu que chegou a pensar em emitir uma nota para comunicar que não concorreria a cargo nenhum. Porém, tem recebido muitos apelos para concorrer. Embora não admita, é o nome mais forte da oposição para fazer frente aos atuais detentores do poder.

REVOLTA
É o que se verifica por parte dos moradores das cercanias do trevo da BR 285, proximidades ao Estádio Municipal Adão Castellano, pelo descaso das autoridades competentes (governo federal). Já se perdeu a conta do número de acidentes naquele local. Muitos deles com vítimas fatais. Domingo passado, mais uma morte veio a ocorrer. Ali está sendo conhecido como o “Trevo da Morte”. Nada disso sensibiliza as autoridades. Assistem a tudo na mais absoluta complacência. Até quando? Até que morra um “figurão” ou familiar deste? Enquanto vidas de pessoas mais modestas são ceifadas fica por isso mesmo?

O POVO QUER SABER
Onde estão as nossas lideranças? As chamadas forças vivas? E os deputados? Aqueles que amealharam votos por aqui? Aqueles que se dizem representantes de Lagoa Vermelha? Onde andam os paraquedistas? Estão esperando as próximas eleições para vir aqui com sorrisinhos, tapinhas nas costas, paparicar os eleitores? As mortes que ocorrem no trevo do Estádio Adão Castellano nada tem a ver com eles? É isso? Raspadinha, num misto de indignação e inconformismo, não se conteve ao ser ouvido pela Rádio Lagoa FM.
- Cadê o deputado Santini? Cadê a senadora Ana Amélia? Cadê os representantes de Lagoa Vermelha? - cobrou.

SÓ ASSIM
Cansados de ouvir promessas e mais promessas, conversa fiada, conversa para boi dormir, os moradores próximos ao “Trevo da Morte” resolveram partir para o protesto. Trancaram a pista central da BR 285 junto ao malfadado trevo na segunda-feira e na terça-feira (feriado municipal). Com isso, procuram chamar a atenção das autoridades competentes. Raspadinha definiu com propriedade.
- Político e feijão são só na pressão.

ÁGUA MOLE...
Pelo que foi prometido pelos moradores próximos ao “Trevo da Morte”, nas várias manifestações através da Rádio Lagoa FM, a mobilização não vai ficar somente nessas duas ações de segunda e terça. A ideia é trancar a BR 285 tantas quantas vezes forem necessárias até que as autoridades responsáveis despertem do sono profundo em que se encontram para fazer alguma coisa. Ou vai ou racha. Pedidos, apelos - já se sabe - não surtem efeito. Agora, será na base do protesto dentro daquela velha máxima: “Água mole em pedra dura tanto bate até que fura”. Chega de ficar passando a mão na cabeça dos enroladores.

SEMPRE A MESMA COISA
O filme é antigo. A cada acidente grave ou morte no trevo do Estádio Adão Castellano, o que se ouve é sempre a mesma coisa: um gritinho aqui ou ali de nossos políticos. Nada mais do que isso. Pura retórica. Nada de uma ação mais concreta e pressão sobre os canais competentes. Fica tudo no discurso. E dê-lhe morrer gente.

ESPERAR SENTADO?
Dizer que o DNIT não tem dinheiro soa como desculpa esfarrapada. Quanto o DNIT pode gastar na reformatação daquele trevo? Se não dá para reformatar, então que se coloque quebra-molas. Pronto, ora bolas! Alguma coisa tem que ser feita. E urgentemente. Que se dê um basta à mortandade que tem ocorrido ali.
A informação que se tem é que o DNIT já tem o projeto para a reformatação do trevo do Estádio Adão Castellano. Porém - teria que ter um porém - não há previsão para a realização da obra. Imagino que vai esperar que ocorra mais uma dezena de mortes.

SINALEIRA
Ainda com relação ao trânsito. Temos recebido apelos para que encetássemos uma campanha no sentido de que fosse instalada sinaleira na esquina da Avenida Afonso Pena com a Rua José Bonifácio. Já tivemos vários acidentes naquele local. O fluxo de veículos é intenso. Pega chegada ou saída do hospital, laboratório, consultórios etc. Tem o movimento da Afonso Pena em ambos os lados e da Rua José Bonifácio. Diante da frequência dos acidentes, o que se pede é uma sinaleira para que se evite amanhã ou depois uma morte.

DIÁLOGO
Promotor de Justiça Eleitoral de Lagoa Vermelha, Felipe Lisboa Barcellos, esteve participando de um curso, em Porto Alegre, com vistas às eleições municipais deste ano.
- Objetivo foi trazer alguns esclarecimentos, algumas novidades, algumas orientações institucionais, o que a gente pode antever e uma diretriz de como atuará o Ministério Público Eleitoral - informou.
- Quais as principais orientações? - perguntamos.
- Na verdade, manter sempre um diálogo com todas as coligações, os partidos políticos que vão participar do pleito, no sentido de dar a maior tranquilidade possível e resolver os eventuais problemas que possam acontecer - respondeu.

GRE-NAL
- Eleição municipal é sempre mais acirrada, mais disputada, os ânimos se tornam mais exaltados. Mexe com toda a comunidade - assinalamos.
- Exatamente, uma das frases logo na abertura do curso foi de que eleição municipal é Gre-Nal. Os ânimos ficam acirrados, mas tem que entender também que no final quem tem que ganhar não é Grêmio nem Inter e sim a sociedade - preconizou Dr. Felipe Barcellos.

COMPRA DO VOTO
Promotor de Justiça Eleitoral, Felipe Barcellos, tocou numa outra questão: compra de voto.
- Compra de voto, infelizmente, se verifica muito. É uma questão que o eleitor deve pensar bem. Aquele dinheiro que ele (eleitor) vai estar recebendo hoje é um dinheiro que vai estar faltando depois para construir uma creche, para contratar um médico, para asfaltar uma rua. É importante que o eleitor tenha essa consciência de que o voto dele não tem preço. É um voto muito caro, muito importante. Se ele vender, vai estar pagando lá adiante.

FAVORITISMO
Osmar Piardi, Tejo e João Barbudo participaram do programa Lagoa Debate segunda-feira na Rádio Lagoa FM.
- Tejo tem alguém com favoritismo para a eleição deste ano? - questionamos.
- Com certeza tem. Tem uma administração que, na pior das hipóteses, tem uma máquina que empurra.
- Acha que tem favorito para essa eleição, João Barbudo?
- É como disse o Tejo só tem candidato até agora a administração municipal. Não acredito que não vá ter um candidato da oposição para bater com a administração. Temos bons nomes.
- PDT teria três pré-candidatos a prefeito. Evidências dão conta de que Domingos Francescato estaria recuando (desistindo). A disputa ficaria entre Maurício Casarin e Sergio Menegaz. E pelo que a coluna antecipou poderia se tornar acirrada. Isso poderia determinar um racha no PDT, Osmar Piardi?
- Num primeiro momento não acredito que possa haver fragmentação do partido - respondeu.
 
Outras colunas deste Autor
01/07/2016
17/06/2016
10/06/2016
03/06/2016
27/05/2016
20/05/2016
13/05/2016
06/05/2016
22/04/2016
15/04/2016
08/04/2016
01/04/2016
25/03/2016
18/03/2016
11/03/2016
 
   
publicidade - anuncie
   


Luciano Andrade


Grieco Rodrigo Bossardi
Doutorado em Administração - Professor Universitário - Contador


Frei Marcelo de Carvalho

Outros Colunistas (...)
Secretaria da Agricultura abre inscrições para construção de silos
A Secretaria Municipal da Agricultura e Meio Ambiente de Lagoa Vermelha abre o período de inscrições para a construção de silos do tipo trincheiras ou limpeza dos já existentes. As inscrições irão até (...)
Sub 13 do Lagoa Futsal vence três confrontos
Jogando pela Copa Amunor, na quarta-feira, 15 de novembro, no Adolfo Stella, a categoria de Base Sub 13 do Lagoa Futsal venceu os três confrontos: Lagoa Futsal 3 x 0 Muitos Capões, Lagoa Futsal 15 x (...)
Câmara: Brigada Militar recebe homenagem pelos 180 anos
Poder Legislativo de Lagoa Vermelha, sob a presidência do vereador Ranyeri Bozza, realizou, na terça-feira, 14, sessão solene em homenagem aos 180 anos da Brigada Militar no Estado do Rio Grande do Su (...)
Poder Público e entidades empresariais preparam a Expolagoa 2018
Na tarde de terça-feira, 14, na sede da CICAS, na presença da imprensa, o secretário da Indústria e Comércio, João Paulo Salvador, juntamente com o Sindilojas, Sicom, Cicas e Sindilojas, realizou o la (...)
Ricardo Machado compete em São Paulo
O ciclista da Universidade de Passo Fundo (UPF) Ricardo Machado participará, no próximo sábado, 18 de novembro, do MTB 12 Horas. A ser realizada em São Paulo, a competição de longa duração é considera (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes