Colunistas
 
 
Cláudio Júnior Damin
Cientista Político
superdamin@terra.com.br
 
 
Irresponsabilidade - 20/05/2016
 
A presidente da República Dilma Rousseff foi afastada temporariamente de seu cargo pelo Senado Federal. Cumpriu-se o rito estabelecido pela Constituição Federal de 1988 e a petista será julgada por seus crimes de responsabilidade nos próximos meses. Essa novela, pois, ainda não acabou e ainda viveremos com esta sombra sobre o país.
Se a situação política da presidente afastada não é nada boa, a do presidente Michel Temer não é também aquelas “maravilhas”. Isso porque o país encontra-se em frangalhos.
O maior problema é, sem dúvida, a crise fiscal produzida pela irresponsabilidade fiscal do último governo. Ou seja, a presidente aumentou despesas sem que tivesse, para tanto, a correspondente receita. É como se o governo dispusesse de 200 reais e tivesse gasto 350 reais. A conta, pois, não fecha. Mas esta conta serviu para ela fosse reeleita em 2014, contando todas aquelas barbaridades no horário eleitoral.
O dinheiro, meus amigos, acabou.
Quando Dilma saiu falava-se de um déficit (despesa maior que receita) de 90 bilhões de reais. Uma semana após assumir, o novo governo já fala em 125 bilhões de reais. É muita coisa. É muito descontrole das finanças públicas. E isso acaba prejudicando muitos setores, pois os cortes na educação e em outras áreas precisarão ser feitos para diminuir esse mesmo déficit.
Não há como governar com um rombo de 125 bilhões nas contas públicas.
Eis o grande desafio do presidente Michel Temer: ajustar as contas públicas, retomar os valores da responsabilidade fiscal, do controle da inflação e do combate ao desemprego. Há uma desorganização e um desânimo completo na economia e entre os agentes econômicos. O PT conseguiu, com sua irresponsabilidade fiscal, nos legar 11.1 milhões de desempregados.
A retomada da responsabilidade fiscal nos levará, em breve, para uma melhoria das condições econômicas do país. Hoje, no entanto, ainda nos encontramos em profunda recessão econômica e em dois anos nosso Produto Interno Bruto (a soma de todas as riquezas produzidas no Brasil em um ano) irá cair 8%. O que significará, por exemplo, que milhões de pessoas que ascenderam para a chamada classe C, irão retroceder novamente para a D ou E.
Note-se que os efeitos da irresponsabilidade são amplos e atingem toda uma nação. O estrago provocado pela presidente afastada foi épico. Agora é preciso ajustar nosso leme e navegar rumo à retomada do crescimento econômico. Os mares, no entanto, serão bravios e os tubarões continuam à espreita. O País precisa mesmo dizer um NÃO à irresponsabilidade fiscal dos governos, pois ela acaba sendo demais onerosa para a sociedade civil.
 
Outras colunas deste Autor
01/07/2016
Mudança de expectativas - 24/06/2016
O gorila primeiro? - 17/06/2016
Alguém sobrará? - 10/06/2016
Os políticos com medo - 03/06/2016
Irresponsabilidade - 20/05/2016
A última semana - 06/05/2016
A situação é crítica - 29/04/2016
A façanha de Dilma - 22/04/2016
As chances do impeachment - 15/04/2016
Impeachment - 08/04/2016
Eulogia a meu amigo Horley - 01/04/2016
A caça e o caçador - 25/03/2016
Renúncia, já! - 18/03/2016
Caiu o triplex - 11/03/2016
 
   
publicidade - anuncie
   


Joel Anzolin Muliterno
Advogado


Victor Hugo Muraro Filho
Advogado


Marcos Roberto Nepomuceno

Outros Colunistas (...)
Capão Bonito do Sul sediou 2º Seminário Regional sobre Pecuária de Corte
Pensando em trazer algo inovador para os pecuaristas do município e região durante a programação da Semana do Município de Capão Bonito do Sul, a secretaria da Agricultura em parceria com a Emater/RS- (...)
Ibiraiaras/Caseiros: Acidente causa uma morte e deixa três feridos
Por volta de 5h30min da madrugada deste sábado, no km 57 da ERS 126, entre os municípios de Caseiros e Ibiraiaras, um acidente de trânsito deixou uma vítima fatal e três pessoas feridas. Segundo o (...)
Em andamento, Copa ABAMF de Integração de Esportes
Em sua 20ª edição, neste sábado, teve início a vigésima edição da Copa ABAMF de Integração de Esportes. Várias modalidades esportivas estão sendo disputadas e algumas premiações já foram entregues n (...)
Ponte sobre o Rio Bernardo José é inaugurada
Depois de 25 anos de espera, a ponte sobre o Rio Bernardo José, no limite entre os municípios de Capão Bonito do Sul e Esmeralda é inaugurada nesta sexta-feira, 20. O ato contou com a presença do pref (...)
Associação Amigos da Casa da Cultura realiza Reunião Ordinária
Na próxima terça-feira, dia 24, a diretoria da Associação Amigos da Casa da Cultura de Lagoa Vermelha, convoca seus membros fundadores, associados e apoiadores para Reunião Ordinária. A reunião tra (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes