Colunistas
 
 
Oscar Menna Barreto Grau
Médico Veterinário
folha@folhadonordeste.com.br
 
 
Seis por meia dúzia - 08/04/2016
 
Sei que o momento vivido por todos nós brasileiros é extremamente grave.
Não sabemos o que pode acontecer amanhã, a política que é definida como a ciência do governo dos povos, ou ainda, a arte de dirigir os negócios de uma nação ou Estado, aqui neste nosso Brasil, através dos anos sofre transformações para pior, dando-nos a certeza que hoje está sendo usada e exercida por uma maioria esmagadora para a criação aos moldes da máfia de formas para ganhar fortunas e garantir privilégios para seus seguidores.
Nossa Constituição, que é a lei maior mostra-se prolixa, deixando margens para várias interpretações e permitindo que todo aquele abonado e com condições de contratar bons e caros defensores, através de recursos jurídicos e mais recursos, consiga diminuir suas condenações ou até chegar a prescrição.
Assim, nada melhor do que usarmos o velho adágio popular, não adianta trocar “seis por meia dúzia”.
Vamos aos fatos, na composição da comissão do impeachment, ou seja, os deputados que analisam o pedido de afastamento da presidente, é composta por sessenta e cinco membros e o mais horripilante é que deste total, trinta e cinco somam cento e cinquenta e três pendências entre inquéritos, ações criminais e cíveis ou rejeição de contas, oito são réus no STF e seis foram condenados em ao menos em uma instância. Completando este quadro digno de filme de terror, temos o Sr. Eduardo Cunha, presidente da Câmara, na condição de réu em ação penal no STF, respondendo ainda a outros dois inquéritos, um por lavagem de dinheiro e outro que apura crimes da lei de licitações.
Moldurando o acima referido quadro temos o presidente do Senado Sr. Renan Calheiros, respondendo a nove inquéritos por lavagem de dinheiro, corrupção, formação de quadrilha e ainda é alvo de duas ações civis públicas por improbidade administrativa.
Não podemos esquecer que o nosso vice-presidente Temer também tem muito à temer da justiça. Assim, repetindo o bordão “não adianta trocar seis por meia dúzia”, pois os atores principais da nossa política estão parecendo serem farinha do mesmo saco.
É bom lembrar que exatamente nestes momentos de aflição de incerteza é que surgem os aproveitadores de ocasião, os salvadores da pátria, e tudo continua como antes, ou pior, acontece que o povo, aqueles que trabalham, produzem, pagam impostos estão no limite, não aguentam mais.
Exigimos mudanças para melhor, chega de roubo, corrupção, corporativismo, enganação, o povo está cansado de ser o palhaço que paga o pato.
 
Outras colunas deste Autor
01/07/2016
Justiça social - 24/06/2016
Mudanças necessárias - 17/06/2016
Hoje quem pode mais, chora menos - 10/06/2016
Brasil dos privilégios - 03/06/2016
Precisamos mudar - 27/05/2016
Corrupção - 20/05/2016
O Brasil que nós queremos... - 13/05/2016
Independência dos Poderes... - 06/05/2016
Mudanças... - 29/04/2016
Brasil que o povo deseja - 22/04/2016
Mudanças já... - 15/04/2016
Seis por meia dúzia - 08/04/2016
O Brasil hoje - 01/04/2016
Injustiças - 18/03/2016
 
   
publicidade - anuncie
   


Joel Anzolin Muliterno
Advogado


Luciano Andrade


Fabiana Rankrape

Outros Colunistas (...)
Ana Amélia diz que não há condições para Temer permanecer na presidência
Em discurso na tribuna, nesta quinta-feira (18), a senadora Ana Amélia (PP-RS) disse que não vê condições para Michel Temer permanecer na Presidência da República depois das robustas acusações de obst (...)
Comissão Especial da Segurança Pública aprova relatório final com sugestão de 47 medidas
A Comissão Especial da Segurança Pública, presidida pelo deputado Ronaldo Santini (PTB), aprovou por unanimidade, no início da tarde desta quinta-feira (18), o seu relatório final, elaborado pelo depu (...)
Na capital federal, Sossella prestigia XX Marcha em Defesa dos Municípios
Como coordenador da Frente Parlamentar Municipalista da Assembleia Legislativa, o deputado Gilmar Sossella (PDT) prestigiou nesta semana a XX Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. O evento, que (...)
Gustavo Bonotto recebe moradores do Bairro Gentil
Na noite de quinta-feira (11), o prefeito Gustavo Bonotto recebeu em seu gabinete moradores da Rua Sargento Salvador Felício Bueno, do Bairro Gentil– ligação com a Associação dos Moto (...)
Certificado Internacional de Vacinação passará a ser expedido em Lagoa Vermelha
Toda a pessoa que deseja viajar para países que exigem CIVP válido e constam na lista da Organização Mundial de Saúde precisa emitir o Certificado Internacional de Vacinação, que até o momento era exp (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes