Colunistas
 
 
Oscar Menna Barreto Grau
Médico Veterinário
folha@folhadonordeste.com.br
 
 
Mudanças necessárias - 17/06/2016
 
Fica muito difícil escrever quando o assunto do momento é algo triste, feio e toma conta de todos os meios de comunicação.
O desvio de conduta chamado corrupção, talvez pela repetição como vem sendo praticado, sem sofrer punição, tornou-se um ato costumeiro e até definido como fruto de inteligências privilegiadas.
Foi exatamente desta maneira que o nosso país como um todo chegou ao “fundo do poço”, deixando o Estado economicamente falido e o povo sofrendo as agruras da inflação, do desemprego, dos juros escorchantes, tratamentos deficientes à saúde, educação, segurança, enfim, privado dos seus direitos garantidos pela Constituição.
Quem sabe este momento de aflição para o país sirva de alerta e sejam tomadas ações efetivas e com força para que surjam mudanças e realizem-se uma limpeza geral, punindo corruptos e corruptores.
Existem exemplos de países onde o nível de corrupção atingia altos índices e infiltrava-se nos mais variados segmentos da sociedade, criando poderosas máfias na verdadeira acepção da palavra, dentre estes destaca-se a Itália, onde premidos pela pressão popular foi desencadeada a operação denominada “mãos limpas”.
Foram montadas comissões com a participação de técnicos e da população, a trama foi desfeita e a operação “mãos limpas” desnudou a corrupção e foram mandados para a cadeia, não importando o cargo, políticos, membros do judiciário, do executivo, do legislativo, empresários e pessoas do povo, aumentando a autoestima da população, criando esperança e principal fato positivo passou a sobrar verbas antes roubadas e agora aplicadas no bem estar geral.
No Brasil nada acontecia e tudo terminava em pizza, roubos, desvios e outras tantas “maracutaias”, fazendo com que o povo fosse tomado pela descrença, todo o político suspeito e as instituições com dificuldades para executar seus desígnios, estando o caos muito próximo de todos nós.
Ações estão sendo tomadas voltando a esperança em dias melhores.
A verdade é que todos nós queremos e exigimos mais.
Além do ato de punir todos os envolvidos em atos de corrupção, deverão acontecer reformas profundas com força para varrer todos os privilégios absurdos e desumanos existentes, coibir campanhas políticas milionárias patrocinadas por firmas ou entidades com interesse de mais tarde locupletar-se com dinheiro público, através de licitações dirigidas ou contratos fraudulentos.
Os Tribunais Eleitorais e também nós que votamos temos uma responsabilidade muito grande neste processo, os primeiros punindo com rigor, com efetividade aqueles que fraudam, que usam métodos escusos, coibindo de vez com as declarações de gastos de campanha que não correspondem com a verdade e também com os famigerados expedientes chamados “caixa dois” e sobras de campanha.
Os segundos, aqueles que votam e que somos nós, os eleitores, devemos ter a consciência que ninguém assume um cargo público eletivo sem voto. Portanto o voto é a grande arma para eleger honestos e que são imbuídos da vontade de servir a nação.
Além de votar, todos nós devemos ter uma participação efetiva, que permita votar e ser votado, selecionando com muita parcimônia quem vai receber o nosso voto.
Vamos então transformar o nosso voto em uma arma capaz de eleger somente cidadãos probos, vocacionados para exercer cargos públicos e verdadeiros representantes da população e lutadores pela igualdade, liberdade e paz.
 
Outras colunas deste Autor
01/07/2016
Justiça social - 24/06/2016
Mudanças necessárias - 17/06/2016
Hoje quem pode mais, chora menos - 10/06/2016
Brasil dos privilégios - 03/06/2016
Precisamos mudar - 27/05/2016
Corrupção - 20/05/2016
O Brasil que nós queremos... - 13/05/2016
Independência dos Poderes... - 06/05/2016
Mudanças... - 29/04/2016
Brasil que o povo deseja - 22/04/2016
Mudanças já... - 15/04/2016
Seis por meia dúzia - 08/04/2016
O Brasil hoje - 01/04/2016
Injustiças - 18/03/2016
 
   
publicidade - anuncie
   


Terezinha do Carmo
Pedagoga


Grieco Rodrigo Bossardi
Doutorado em Administração - Professor Universitário - Contador


Leodário Schuster
Empresário

Outros Colunistas (...)
Lagoa Futsal perde para o Passo Fundo em casa
Em mais uma partida válida pela Série Prata de Futsal, o Lagoa Futsal, no sábado, 12, às 19 horas, recebeu no Adolfo Stella a equipe do Passo Fundo. O time treinado por Tiago Bernar (...)
Lagoa Futsal entrega premiação do 6º Campeonato Interno
A direção do Lagoa Futsal, na sexta-feira, 11 de agosto, à noite, realizou jantar com a entrega de premiação alusiva ao 6º Campeonato Interno desenvolvido no Ginásio Adolfo Stella. Presidente Edeivis (...)
Jantar comemora Dia do Advogado
Sob a presidência de Gladimir Casarin, a OAB Subseção de Lagoa Vermelha, realizou no dia 11 de agosto, a quinta edição de sua tradicional feijoada, tendo como objetivo principal comemorar o Dia do Adv (...)
Em Carazinho, secretário JP fala do PePe implantando no Município
O secretário da Indústria, Comércio e Serviços, João Paulo Salvador, fez uma exposição hoje, 11, em Carazinho, sobre a parceria firmada pelo município de Lagoa Vermelha com o SEBRAE para implementar (...)
Presidente Ranyeri e vereadora Márcia apresentam campanhas à Unopar
Na terça-feira (08), a Câmara Municipal de Vereadores, lançou três campanhas: “Cidadania, cultive uma nova atitude”, “Câmara de Vereadores, qual o seu papel na comunidade?” e também o projeto de reso (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes