Colunistas
 
 
Fabiana Rankrape
Folha Rural
Folha Rural
 
 
Sistema de confinamento Compost Barn - 24/06/2016
 
O leite é um dos principais produtos da produção agropecuária e desempenha papel relevante no suprimento de alimentos e geração de renda. Neste contexto, o estresse térmico é um dos fatores que afetam negativamente a produção de leite, causando impacto no potencial econômico da propriedade, além de alterações no comportamento dos animais. Pois, quando os elementos climáticos como, a elevada radiação solar incidente, alta temperatura associada à alta umidade do ar, estão acima dos limites fisiológicos, os animais deixam de expressar seu máximo potencial de produção.
Dessa forma, os sistemas de confinamento surgem como uma alternativa para proporcionar conforto térmico aos animais. Entre os sistemas de confinamento, está o Compost Barn, que caracteriza-se por uma área coberta, composta de cama de maravalha ou serragem, onde pode-se abrigar as vacas em lactação e produzir composto orgânico para uso na agricultura.
Os benefícios do sistema estão relacionados ao aumento do conforto e longevidade do rebanho, menor contagem de células somáticas (CCS), facilidade de manejo diário, menor incidência de lesões de pata e de claudicação, menor custo de investimento inicial. Além do melhor nível de limpeza dos animais, aumento da detecção de cio, facilidade de manuseio dos dejetos, menor odor e presença de moscas.
O bom funcionamento do sistema depende do manejo correto da cama, com revolvimento duas vezes ao dia, para manter o ambiente aeróbico (com presença de oxigênio), umidade em níveis adequados e elevada temperatura interna da cama para favorecer a sobrevivência das bactérias benéficas a fermentação e redução das bactérias patogênicas. Além disso, altura mínima de 4,5 metros de pé direito e uso de ventiladores que auxiliam no conforto térmico dos animais e na retirada de umidade da cama. O espaço mínimo a ser fornecido as vacas é de 10 m²/animal, sendo que a reposição de cama depende das condições meteorológicas e densidade animal utilizada.
Como qualquer sistema de produção o Compost Barn é uma opção técnica que precisa ser bem manejada para gerar resultados satisfatórios. Visto que, a produção animal depende de um conjunto de fatores que estão relacionados ao manejo do sistema, nutrição, genética e conforto térmico.
 
Outras colunas deste Autor
Sistema de confinamento Compost Barn - 24/06/2016
Criação e produção de ovinos - 29/04/2016
O consumo de carne suína - 15/04/2016
Qualidade do leite - 01/04/2016
Qual o efeito do estresse térmico no desempenho de bovinos? - 19/02/2016
Produção animal em pastagem nativa - 05/02/2016
Como evitar perdas no processo de ensilagem? - 24/12/2015
Planejamento das atividades Agropecuárias - 27/11/2015
Rio Grande do Sul votará lei para impedir fraudes com o leite - 13/11/2015
A importância da qualidade da água na Produção Animal - 16/10/2015
Controle das cigarrinhas-das-pastagens - 02/10/2015
Mormo e o desfile da Semana Farroupilha - 04/09/2015
Nutrição animal - 21/08/2015
Interação genótipo-ambiente - 07/08/2015
Bem-estar animal, por que se preocupar? - 24/07/2015
 
   
publicidade - anuncie
   


Terezinha do Carmo
Pedagoga


Victor Hugo Muraro Filho
Advogado


Fabiana Rankrape
Folha Rural

Outros Colunistas (...)
Justiça Federal determina multa de R$ 1.000,00 por hora para quem bloquear rodovias federais gaúchas

Na manhã desta quinta (24), a Justiça Federal -  TRF-4 concedeu liminar em favor da União visando garantir o direito de livre circulação.

Demandada (...)

Presidente do Legislativo participa da organização de evento que busca oportunidades de emprego aos lagoenses

O presidente do Legislativo, Braulio Guedes (PTB), participou nesta quarta-feira (23), de uma reunião a fim de organizar o Empregar RS. O evento acontecerá no dia 15 de junho, das 9h (...)

Mesa Diretora busca a instalação de abrigo para a Rodoviária

Na sessão ordinária desta segunda-feira (21), o presidente Braulio Guedes (PTB), representando a Mesa Diretora do Legislativo, formalizou pedido de providência ao Executivo Muni (...)

Ruth fiscaliza andamento das Obras

 Na manhã de terça-feira(22), a vereadora do Progressista, Ruth Bussolotto acompanhou o andamento do trabalho da Secretaria de Obras e Viação. Junto com o secret&aa (...)

Mais pinheiros, mais pinhas, mais pinhão: a produção sustentável da araucária

O que resta é cerca de 3% das araucárias que habitavam o Brasil entre 1800 e 1900, quando começou o ciclo da madeira e iniciou a exploração dessa árvore, a (...)

 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes