NOTÍCIAS
 
Foto: Jéssica França
Extensão acadêmica em debate na UPF
Os desafios e a importância da extensão universitária foram tema de encontro realizado pela Faculdade de Medicina
 

Buscando qualificar o ensino, a Faculdade de Medicina da Universidade de Passo Fundo (FM/UPF) realizou, na terça-feira, 18 de abril, uma mesa redonda para discutir e promover a extensão universitária.
O encontro, que ocorreu no auditório Biomédico da FM, Campus II UPF, teve como objetivo proporcionar um espaço de debates sobre a extensão e seus desafios na unidade acadêmica. “Todas as terceiras terças-feiras do mês nós temos o ciclo de palestras na Faculdade de Medicina e trazemos uma temática que está emergente entre a comunidade interna ou na comunidade externa. Temos em torno de 500 alunos e aproximadamente a metade do corpo discente está envolvida com projetos de extensão seja com bolsa ou de forma voluntária, o que justifica a importância da discussão”, destacou a coordenadora de extensão da Faculdade de Medicina, Cristiane Barelli.
De acordo com Cristiane, a Lei de Diretrizes e Bases do Ministério da Educação determina que 10% da formação do aluno seja na área da extensão, razão pela qual vem se discutindo a curricularização da extensão. “A extensão trabalha em uma lógica de aprender junto, então, quando vamos a uma comunidade e passamos a ter um olhar crítico sobre aquela realidade, construímos juntos alternativas, e, dessa forma, estamos fazendo o processo formativo mais ético, cidadão e responsável”, destacou.

O desafio de curricularizar a extensão
A programação contou com a participação da vice-reitora de Extensão e Assuntos Comunitários, professora Bernadete Dalmolin, que abordou o tema a “A extensão universitária na UPF: situação atual e desafios”. “A sala de aula é todo lugar que a gente aprende, ela não precisa ser necessariamente dentro de um prédio, ela pode ser junto a um projeto ou atendimento junto à comunidade. Então, a ideia é que nós possamos fazer com que a sala de aula seja mais prazerosa e ativa, estando envolvida também por outros atores que compõem a sociedade”, disse.

De acordo com a vice-reitora Bernadete, a extensão é um pilar fundamental para formação, e, por entender que a universidade precisa estar mais próxima das demandas sociais, se tem buscado um currículo mais aberto. “Há muitos exemplos de situações que precisam ser enfrentadas no setor de saúde e que nós temos ainda bastante limite de intervenção. Dentre eles, é possível citar o atendimento à população LGBT e a prevenção em saúde, que é uma questão que parece simples, mas, na verdade, estamos perdendo para as doenças crônicas. Por tudo isso, nós, enquanto instituição formadora, precisamos pensar problematizando essas demandas”, destacou.

O evento contou ainda com a presença do professor Claudio Wagner, que apresentou um relato sobre a experiência do projeto de extensão Programa de Atenção ao Portador de Déficit de Atenção e Hiperatividade (PADAH); e do professor Rubens Rodrigues, que falou sobre a experiência do Projeto Liga de Patologia.
 

Fonte: Jornalismo - Folha do Nordeste

Mais Notícias
 
Vereadora Márcia solicita informações sobre Secretaria da Saúde
Entroncamento da BR 285 e ERS 126 é fechado por manifestantes
Lagoa Vermelha e região aderem às manifestações
Reunião sobre o Plano Municipal de Educação aconteceu na última terça-feira
Vereador Vicente solicita informações referentes ao repasse do Executivo para a ALU e ALAUCS
PRF homenageia Santini pela atuação à frente da Comissão Especial da Segurança
São Jorge: Conselho da Saúde estipula metas para o ano
Agência dos Correios retorna atendimento em Barretos
Vereador Braulio participa de audiência da Comissão Especial da Segurança Pública
CRAS realiza oficina de artesanato em Barretos
Presidente da Assembleia Legislativa visita São Jorge
Acidente com ônibus de trabalhadores em Água Santa deixa vários feridos
Homicídio é registrado no interior de Santo Expedito do Sul
Feriado Municipal é transferido para o dia 15 de maio
Prefeitura abre vagas para professores de ciências e matemática
Lagoa Vermelha está sem agência do IPERGS, cobra vereador
 
   
publicidade - anuncie
   


Carlos R. Dellavalle Filho
Engenheiro Agrônomo


Luciano Andrade


Cláudio Júnior Damin
Cientista Político

Outros Colunistas (...)
Agência dos Correios retorna atendimento em Barretos
O posto de atendimento das Agências dos Correios em Barretos retornou o atendimento na semana passada, dia 17. Conforme o prefeito, Felippe Rieth, o atendimento havia sido sus (...)
Vereador Braulio participa de audiência da Comissão Especial da Segurança Pública
O vereador Braulio Guedes (PTB) participou nesta segunda-feira (24), de audiência pública da Comissão Especial da Segurança Pública realizada em Vacaria. Na ocasião foi debatida a realidade da seguran (...)
CRAS realiza oficina de artesanato em Barretos
Nesta quarta-feira, 19, o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) iniciou a oficina de artesanato na Escola Horácio Severo da Costa, em Barretos. As aulas são realizadas pela oficineira Onil (...)
Presidente da Assembleia Legislativa visita São Jorge
O Presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, Edegar Pretto, esteve no município de São Jorge na última quinta-feira (20), em retribuição a visita do Prefeito Municipal, Jorge Pivotto, (...)
Acidente com ônibus de trabalhadores em Água Santa deixa vários feridos
Um acidente entre ônibus de trabalhadores e um veículo de passeio deixou várias pessoas feridas na madrugada desta quinta (20) em Água Santa. Conforme as informações da rádio Tapejara, o ônibus transp (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes