Radar online
Por Aldoir Nepomuceno
 
Horário de verão pode ser extinto este ano
 
A adoção do horário de verão para gerar economia de energia no Brasil não se justifica mais. A avaliação é do diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino. O horário de verão está previsto para começar no dia 15 de outubro e terminar em 17 de fevereiro do próximo ano. O governo analisa a manutenção ou encerramento do horário de verão.

"A avaliação é que, sob a perspectiva do setor elétrico, o horário de verão não se justifica", disse Rufino.

Estudos sobre a viabilidade da manutenção do horário de verão, que abrange nove estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além do Distrito Federal (Brasília), estão sendo conduzidos no âmbito do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), que reúne diversos órgãos governamentais ligados ao setor elétrico.

As pesquisas apontam para o fato de que a adoção da hora adiantada não resulta mais em economia de energia, uma vez que a temperatura é quem determina o maior consumo de energia e não a incidência da luz durante o dia. De acordo com o Operador Nacional do Sistema (ONS), atualmente os picos de consumo ocorrem no horário entre 14h e 15h, e não mais entre 17h e 20h.

Enquete

O governo estuda a possibilidade de consultar a sociedade sobre a adoção ou não do horário de verão este ano. A decisão precisa sair rápido e está nas mãos do presidente Michel Temer e do ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho. Se a definição for pela enquete, ela será lançada no Portal do Planalto na próxima semana.

Apesar de não fazer mais diferença na economia de energia, conforme explicou o diretor-geral da Aneel, uma parte da sociedade gosta da sensação de ter uma hora a mais no dia e poderá manifestar isso na enquete.

Além disso, o governo pode levar em consideração o maior movimento do comércio durante o horário de verão. Com dias mais claros, as pessoas ficam mais na rua e consomem mais.

Bandeira vermelha

De acordo com Rufino, em outubro o governo deve passar a cobrar a bandeira vermelha na conta de luz, possivelmente na faixa dois, em razão da escassez de chuvas.

"O que podemos falar agora é de tendência. A bandeira está vinculada ao CMO (Custo Marginal de Operação), que é muito dependente de regime hidrológico e a previsão de chuva. A tendência é que estamos com um regime hidrológico muito desfavorável, com chuvas atrasadas. A tendência é despachar térmicas mais caras", disse.

Atualmente, está em vigor a tarifa amarela na cobrança da conta de luz. Esta tarifa representa um acréscimo de R$ 2,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Com a adoção da tarifa vermelha, o preço da tarifa de energia passa a ter um acréscimo e vai a R$ 3,00 por 100 kWh. No caso do patamar dois, esse valor seria maior: R$ 3,50 a cada 100 kWh consumidos.
Mais informações
 
Horário de verão pode ser extinto este ano
Descontingenciamento no Orçamento será de mais de R$10 bi para 2017, sem ajuda de precatórios, diz fonte
Empresários da indústria estão mais onfiantes, diz CNI
BC reduz projeção de inflação este ano para 3,2%
Diretor do BC diz que consumidor já sente sinais de melhoria na economia
Prévia da inflação em setembro tem o menor resultado para o mês desde 2006
Mais de 80% das empresas brasileiras têm irregularidades
Eunício diz que "farra" das coligações tem que acabar
Deputados podem votar esta semana reforma política
PIB cresceu 0,6% no trimestre encerrado em julho, mostra FGV
Dados do PIB mostram fim da recessão, diz pesquisador da FGV
Nova denúncia contra Temer gera tensão no Congresso mas base governista terá mais munição
Por recomandação médica Sartori deixa o Piratini por uma semana
Joesley diz a juiz que está preso porque "mexeu com poderosos"
Microempreendedor tem até 2 de outubro para parcelar débitos na Receita
 
 
   
publicidade - anuncie
   


Mariluci Melo Ferreira


Ademar Fagundes
Jornalista e Radialista


Cláudio Júnior Damin
Cientista Político

Outros Colunistas (...)
Getulio Cerioli admite, pela primeira vez, que vai concorrer a deputado
O ex-prefeito Getulio Cerioli, PDT, que por dois mandatos comandou o município de Lagoa Vermelha, admitiu pela primeira vez para a reportagem da FOLHA DO NORDESTE que seu nome está à disposição do pa (...)
Desfile assinala Semana Farroupilha 2017 em Lagoa Vermelha
O 20 de Setembro, em Lagoa Vermelha, pela manhã, foi assinalado pela realização do tradicional desfile alusivo a Semana Farroupilha, envolvendo entidades tradicionalistas, setores da comunidade, pren (...)
Câmara de Vereadores realizará sessão solene nesta terça-feira
A Semana Farroupilha está sendo comemorada no Rio Grande do Sul e integra eventos em homenagem à cultura gaúcha e aos líderes da Revolução Farroupilha, que lutaram por liberdade e igualdade. Nesta (...)
Sub 20: Lagoa Futsal recebe o Bella Futsal de Caxias do Sul
Em mais um confronto válido pelo estadual, o Lagoa Futsal, no dia 20 de setembro, feriado, estará jogando no Ginásio Adolfo Stella, em Lagoa Vermelha. Vai enfrentar a equipe Bella Futsal, de Caxias do (...)
UPF promove exposição em Dia de Mobilização pelo Trânsito Seguro
A Universidade de Passo Fundo (UPF), por meio da Faculdade de Artes e Comunicação (FAC) e do curso de Artes Visuais, em parceria com a Divisão de Extensão e Assuntos Comunitários, promoveu, nesta segu (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes