Radar online
Por Aldoir Nepomuceno
 
Reforma da previdência é uma necessidade financeira e fiscal, diz Ministro Meirelles
 
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse hoje (17) que a reforma da Previdência é necessidade financeira e fiscal e que o relatório da proposta deve ser apresentado amanhã (18) pelo deputado Arthur de Oliveira Maia (PPS-BA), relator do texto na comissão especial da Câmara. Ontem (16), parlamentares e ministros se reuniram com o presidente Michel Temer para discutir detalhes da reforma proposta pelo Executivo.

Meirelles disse que as mudanças feitas pelo relator estão dentro da margem de negociação prevista pelo governo e que as lideranças da base aliada estão comprometidas com a aprovação da reforma. “Quero dizer que as lideranças todas estão comprometidas a aprovar o mais rápido possível”, disse, após participar de seminário sobre a Previdência, promovido pelo jornal Valor Econômico.

Segundo ele, ainda falta fechar no texto questões de metodologia e detalhes como o do modelo do regime de transição para as aposentadorias e questões referentes a acúmulo de aposentadoria e pensão por morte. “Existe aí uma série de coisas que ainda não estão definidas. Até amanhã, o relatório estará pronto e em condições de ser divulgado”, afirmou. E completou “Estaremos durante todo o decorrer do dia de hoje fazendo os cálculos para ter a segurança de que os números estão dentro daqueles números que asseguram o sucesso da reforma.”

Ao defender a necessidade da aprovação da reforma da Previdência, Meirelles disse que a medida irá contribuir para a retomada do crescimento do país. “A reforma não é uma questão de preferência ou de opinião, é uma questão de necessidade matemática, financeira, fiscal. Se o país não fizer uma reforma no devido tempo, em primeiro lugar as taxas de juros brasileiras, ao invés de cair, vão voltar a subir fortemente, vão faltar recursos para o financiamento do consumo, do investimento, o desemprego voltará a crescer e, ao mesmo tempo, teremos a inflação de volta”, disse

A reunião de ontem com o presidente Temer durou cerca de três horas e teve a participação dos ministros da Fazenda, Henrique Meireles; da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy; da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco; e de parlamentares como o relator da reforma da Previdência Arthur de Oliveira Maia, relator da reforma da Previdência, e de Carlos Marun (PMDB-MS), presidente da comissão.

Seminário

Durante a apresentação no seminário, o ministro Meirelles disse que circulam informações inverídicas sobre a reforma, como a de que, caso fosse feita a cobrança dos grandes devedores, seria possível pagar o déficit da Previdência. Segundo ele, mais de 50% da chamada dívida ativa com a previdência pública é de companhias falidas e as demais dívidas são cobradas seguindo os ritos judiciais.

(Agência Brasil)
Mais informações
 
Atividade da construção civil e emprego tiveram retração em maio
Reforma trabalhista pode ser votado pelo Senado na próxima semana, diz Jucá
Temer diz estar sofrendo ataque injurioso, indigno e infamante
PGR oferece denúncia contra Temer por corrupção passiva
Produção industrial cresce e emprego cai em maio, diz CNI
Dívida pública federal subiu 0,26% em maio
Temer sanciona lei que permite descontos para compras feitas em dinheiro
Polícia faz ação para prender 11 pessoas acusadas de lavagem de dinheiro
Palocci é condenado a 12 anos por corrupção e lavagem de dinheiro
Janot vai fatiar denúncias contra Temer
Prévia da inflação oficial em junho é a menor para o mês desde 2006
Governo poderá utilizar o FGTS para substituir pagamento do seguro-desemprego
Com mira em Temer, Funaro pretende fechar delação com PGR na próxima semana
BC mantém projeção de crescimento do PIB em 0,5%; inflação deve ficar em 3,8%
Demanda por crédito das empresas cai 5,4% em maio
 
 
   
publicidade - anuncie
   


Marcos Roberto Nepomuceno


Oscar Menna Barreto Grau
Médico Veterinário


Mariluci Melo Ferreira

Outros Colunistas (...)
Sananduva anuncia a instalação de sistema de videomonitoramento
Através da iniciativa do Governo do Município de Sananduva, na manhã de segunda-feira (12), entidades estiveram reunidas para a assinatura do Termo de Cooperação que prevê a instalação do sistema de v (...)
Senadora Ana Amélia se declara independente
Pelo menos dez senadores de partidos aliados do governo Michel Temer resolveram nesta semana se declarar “independentes”. Os parlamentares demonstram desconforto com a crise no Planalto e pedem reação (...)
Zanchin comemora investimento de R$ 1,2 milhão em escolas da região
O deputado estadual Vilmar Zanchin (PMDB) destacou o anúncio de obras de reformas e ampliações em 20 escolas da rede estadual, feito hoje pelo governador José Ivo Sartori. Ao todo, serão investidos R$ (...)
9° Batalhão de Engenharia de Construção visita prefeito Gustavo
Na tarde última quarta-feira (21), o Prefeito Municipal Gustavo Bonotto recebeu em seu Gabinete militares do 9° Batalhão de Engenharia de Construção. O batalhão foi criado em 26 de dezembro de 1917 em (...)
Vereadora Márcia solicita discussões sobre o lixo
Em Sessão Ordinária, a vereadora Márcia do Carmo (PSB) voltou a mencionar e lembrar sobre o gerenciamento de resíduos em Lagoa Vermelha. A vereadora apresentou pedido de indicação solicitando que o (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes