Radar online
Por Aldoir Nepomuceno
 
Reforma da previdência é uma necessidade financeira e fiscal, diz Ministro Meirelles
 
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse hoje (17) que a reforma da Previdência é necessidade financeira e fiscal e que o relatório da proposta deve ser apresentado amanhã (18) pelo deputado Arthur de Oliveira Maia (PPS-BA), relator do texto na comissão especial da Câmara. Ontem (16), parlamentares e ministros se reuniram com o presidente Michel Temer para discutir detalhes da reforma proposta pelo Executivo.

Meirelles disse que as mudanças feitas pelo relator estão dentro da margem de negociação prevista pelo governo e que as lideranças da base aliada estão comprometidas com a aprovação da reforma. “Quero dizer que as lideranças todas estão comprometidas a aprovar o mais rápido possível”, disse, após participar de seminário sobre a Previdência, promovido pelo jornal Valor Econômico.

Segundo ele, ainda falta fechar no texto questões de metodologia e detalhes como o do modelo do regime de transição para as aposentadorias e questões referentes a acúmulo de aposentadoria e pensão por morte. “Existe aí uma série de coisas que ainda não estão definidas. Até amanhã, o relatório estará pronto e em condições de ser divulgado”, afirmou. E completou “Estaremos durante todo o decorrer do dia de hoje fazendo os cálculos para ter a segurança de que os números estão dentro daqueles números que asseguram o sucesso da reforma.”

Ao defender a necessidade da aprovação da reforma da Previdência, Meirelles disse que a medida irá contribuir para a retomada do crescimento do país. “A reforma não é uma questão de preferência ou de opinião, é uma questão de necessidade matemática, financeira, fiscal. Se o país não fizer uma reforma no devido tempo, em primeiro lugar as taxas de juros brasileiras, ao invés de cair, vão voltar a subir fortemente, vão faltar recursos para o financiamento do consumo, do investimento, o desemprego voltará a crescer e, ao mesmo tempo, teremos a inflação de volta”, disse

A reunião de ontem com o presidente Temer durou cerca de três horas e teve a participação dos ministros da Fazenda, Henrique Meireles; da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy; da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco; e de parlamentares como o relator da reforma da Previdência Arthur de Oliveira Maia, relator da reforma da Previdência, e de Carlos Marun (PMDB-MS), presidente da comissão.

Seminário

Durante a apresentação no seminário, o ministro Meirelles disse que circulam informações inverídicas sobre a reforma, como a de que, caso fosse feita a cobrança dos grandes devedores, seria possível pagar o déficit da Previdência. Segundo ele, mais de 50% da chamada dívida ativa com a previdência pública é de companhias falidas e as demais dívidas são cobradas seguindo os ritos judiciais.

(Agência Brasil)
Mais informações
 
Comissão aprova reforma trabalhista
Depois da chuva vem o frio
STF revoga prisão domiciliar de Bumlai
Brasileiros estimam inflação de 7,5% nos próximos 12 meses, diz FGV
Janot adia votação de resolução que pode afetar Lava Jato
Presidente da Câmara quer votar reforma trabalhista até quinta-feira,27
País registrou queda no número de celulares e de TV por assinatura, diz Anatel
Roubo de R$ 100 milhões leva cenário de guerra à fronteira Brasil-Paraguai
Temer pede empenho de Ministros para aprovação das reformas
Em 3 anos, principais empresas citadas na Lava jato demitiram quase 600 mil
Temer: confiança na economia do Brasil voltou
Campanhas presidenciais de 2014 receberam R$ 37 mi em caixa 2, dizem delatores
Cerca de 70% dos inquéritos abertos por Fachin envolvem pagamento de caixa 2
Meirelles diz que país pode crescer mais de 3% se reformas forem aprovadas
Produto Interno Bruto cresce 0,78% de janeiro para fevereiro, diz FGV
 
 
   
publicidade - anuncie
   


Oscar Menna Barreto Grau
Médico Veterinário


Frei Marcelo de Carvalho


Cláudio Júnior Damin
Cientista Político

Outros Colunistas (...)
Feriado Municipal é transferido para o dia 15 de maio
A Prefeitura Municipal de Lagoa Vermelha informa que no ano de 2017, conforme prevê no art. 4º, da Lei Orgânica Municipal, o feriado municipal que ocorreria na quarta-feira, dia 10 de maio, foi transf (...)
Prefeitura abre vagas para professores de ciências e matemática
A prefeitura Municipal abriu processo seletivo simplificado para a contratação de professores para atuarem no ensino municipal, sendo três vagas para professores de Matemática e uma vaga para professo (...)
Lagoa Vermelha está sem agência do IPERGS, cobra vereador
O vereador Braulio Guedes encaminhou requerimento através da Câmara de Vereadores para que o Poder Legislativo solicite explicações para o Governo do Estado, sobre o fechamento da Agência do Instituto (...)
Extensão acadêmica em debate na UPF
Buscando qualificar o ensino, a Faculdade de Medicina da Universidade de Passo Fundo (FM/UPF) realizou, na terça-feira, 18 de abril, uma mesa redonda para discutir e promover a extensão universitári (...)
Vereadora Ruth participa da Conferência Municipal em Saúde das Mulheres
Nesta quarta-feira (19), a vereadora Ruth Bussolotto (PP) participou da Conferência Municipal em Saúde das Mulheres, realizada na Casa da Cultura. Durante o evento foram abordados os seguintes temas: (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes