Radar online
Por Aldoir Nepomuceno
 
Temer renegocia R$50 bi em dívidas dos Estados com BNDES e trabalha para garantir securitização, dizem fontes
 
Em busca de apoio político, o presidente Michel Temer está tirando do papel uma série de medidas favoráveis aos Estados, como a renegociação de dívidas com o BNDES que envolvem 50 bilhões de reais e a securitização dos débitos junto à União, disseram à Reuters três fontes que participaram de jantar de Temer com governadores na noite de terça-feira.

De acordo com uma das fontes, 20 bilhões de reais do montante que envolve o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) já estão garantidos, e outros 30 bilhões de reais ainda dependem de medida extra.

"Não há especulação. Há previsão. Até 30 de setembro deve estar feito", disse a fonte sobre os 20 bilhões de reais iniciais, determinados por um lei complementar que ordena a repactuação de dívidas com garantia da União.

Os outros 30 bilhões de reais irão depender de legislação extra, acrescentou a fonte, afirmando que a renegociação não afetará o déficit primário.

"Os 30 bilhões (de reais) adicionais dependem da estruturação de novas garantias, como a Lei de Eficiência, e aí sim podermos promover um 'super fast track' de aprovações para Estados que melhorarem sua pagabilidade com as medidas institucionais de gestão", acrescentou a fonte.

Temer se reuniu na noite de terça-feira com diversos governadores, tanto da base aliada quanto da oposição, no Palácio da Alvorada, para tratar das dívidas dos Estados junto ao BNDES, em encontro que contou com a presença no novo presidente do banco de fomento, Paulo Rabello de Castro.

Na reunião, o presidente disse que gostaria que fosse encontrada uma "solução" para as dívidas dos Estados com o BNDES.

"Nós temos que encontrar um caminho que seja saudável para os Estados e que também não seja prejudicial para o BNDES e para a União", disse Temer na abertura do jantar.

SECURITIZAÇÃO

Segundo um ministro que esteve no jantar, também foi discutida a aprovação de um projeto de lei que regulamenta a securitização da dívida ativa dos Estados, e a ideia é de que tanto bancos públicos quanto privados participem dessas operações.

"Isso não vai gerar impacto ao governo federal porque é uma relação de Estados com bancos. Mas, numa situação fiscal dos Estados, a aprovação do PL é importante", explicou o ministro, sob condição de anonimato.

Há cerca de um ano, o governo federal também trabalha num projeto para securitizar a dívida ativa da União, projeto de lei que está no Congresso Nacional, com estimativa de cerca de 60 bilhões de reais passíveis de passar pelo processo e que engordariam o caixa do Tesouro.

(Rodrigo Viga Gaier - Reuters)
Mais informações
 
Confinamento de bovinos cresce no estado
Temer diz que compreende reação contrária da indústria ao aumento de tributos
Temer afirma que não há previsão de novo aumento de impostos
Autuações da Receita por causa da Lava Jato somam R$ 12,8 bilhões
Governo mantém previsão de alta do PIB em 0,5%
Brasilprev comunica a Moro bloqueio de R$ 9 milhões de Lula
Prévia indica deflação de 0,18%, a menor taxa em quase 20 anos
Governo divulga aumento de alíquota do PIS/Cofins sobre combustíveis
Julgamento de Lula em segunda instância será menos polarizado, diz desembargador
Arrecadação cresce 3% em junho e 0,77% no acumulado do ano, diz Receita
Moro rebate defesa de Lula e faz comparação com Cunha no crime de lavagem de dinheiro
Receita recupera R$ 73,6 bi em impostos não pagos; R$ 4 bi vieram da Lava Jato
PIB tem aumento de 0,49% no trimestre encerrado em maio
Pressão das bases preocup Palácio do Planalto
Frio intenso avança e pode nevar no sul do Brasil
 
 
   
publicidade - anuncie
   


Grieco Rodrigo Bossardi
Doutorado em Administração - Professor Universitário - Contador


Cláudio Júnior Damin
Cientista Político


Carlos R. Dellavalle Filho
Engenheiro Agrônomo

Outros Colunistas (...)
Bonotto e Secretário de Obras e Viação visitam obras no bairro Alto Pedregal
No final da tarda da última sexta-feira (14), Bonotto visitou as obras da Rua Sargento Salvador Felício Bueno, no Bairro Alto Pedregal, juntamente com o Secretário Municipal de Obras e Viação, Admilso (...)
Recadastramento do cartão SUS é prorrogado
A Secretaria Municipal da Saúde iniciou no mês de julho o recadastramento do cartão sus, devido ao alto número de cartões emitidos comparados com o número real de habitantes do nosso município. Devid (...)
Lagoa Futsal vai jogar em Cerro Branco, dia 22
Depois da ótima vitória frente ao Parobé, jogando em casa, no Adolfo Stella, quando venceu pelo placar de 8 x 2, o Lagoa Futsal estará voltando a atuar fora de casa, desta vez em Cerro Branco. Vai enf (...)
Felipe Ubaldini assume presidência da ACISAU de São João da Urtiga
Na noite do dia 13 de julho de 2017, nova diretoria tomou posse da Associação Comercial de São João da Urtiga. A cerimônia ocorreu no Centro de Eventos Scalco com um jantar e palestra, e contou com a (...)
Vereadora Márcia solicita melhorias no trânsito do interior e da cidade
Na última Sessão Ordinária (11), antes do recesso parlamentar, a vereadora Márcia do Carmo (PSB), encaminhou à Câmara de Vereadores, duas solicitações que visam organizar o trânsito da cidade e do int (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes