Radar online
Por Aldoir Nepomuceno
 
Conab estima queda de 4,1% no volume de grãos da safra 2017/2018
 
A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) informou hoje (11) que o volume de grãos da safra 2017/2018 deverá ser 4,1% menor do que o da última safra. Segundo a Conab, a produção deve ficar em 227,9 milhões de toneladas. Apesar do recuo, calcula-se que a área de plantio seja 1% mais vasta, abrangendo 61 milhões de hectares. Recorde no país, a produção total da safra passada foi de 237,7 milhões de toneladas.

De acordo com a atualização da Conab, a previsão é que o cultivo do milho sofra um declínio expressivo, de 5,6%, passando de 97,8 milhões de toneladas para 92,3 milhões de toneladas. No entanto, o farto estoque do produto deverá trazer ao consumidor estabilidade no preço.

"Isso [a queda na produção de milho] se deu em função do crescimento da área plantada com soja, por causa de uma expectativa de preço melhor no mercado internacional, e uma boa parte - 1 milhão de hectares - migrou do milho para a soja na primeira safra", esclareceu o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller.

No topo das culturas favoritas dos agricultores brasileiros, ao lado do milho, a soja tende, conforme o estudo, a alcançar uma marca 3,2% inferior à mais recente, caindo de 114,1 milhões de toneladas para 110,4 milhões de toneladas. Segundo o secretário, a preferência pela oleaginosa pode ser justificada pelo fato de seu ciclo de plantação ser mais curto, embora sua janela de lavoura seja mais restrita.

O estudo, elaborado com dados de 17 a 23 de dezembro, também demonstrou que o abastecimento do algodão será o mais abundante, de 1,7 milhão de toneladas, tendo um aumento de 11,4% e ampliação de 11,9% da área de plantio. Os especialistas responsáveis pelo levantamento ressaltaram que o resultado deve-se à escolha de notáveis cultivadores do algodão, como Bahia e Mato Grosso, de destinar à sua semeadura as áreas mais férteis. O algodão deve ocupar 1 milhão de hectares, contra 35 milhões reservados à soja.

Já para o arroz, a companhia espera que a próxima safra resulte em 11,6 milhões de toneladas, ante os 12,3 milhões de toneladas da safra 2016/2017, retração de 5,7%. A diminuição de 2% na produção gaúcha do produto puxou o índice para baixo. O Rio Grande do Sul, destacou a Conab, responde por 70% da quantidade de arroz cultivada no Brasil.

A previsão apresentada pela companhia incluiu também números para o feijão: a primeira safra deverá ser de 12,7 milhões de toneladas, 9,2% menor em comparação à safra anterior, de 1,4 milhões de toneladas.

La Niña

O superintendente de Informações do Agronegócio da Conab, Aroldo de Oliveira Neto, observou que não há como prognosticar a intensidade dos efeitos do fenômeno La Niña, que geralmente afeta o oeste da ponta sul do país, estendendo-se do Rio Grande do Sul a Mato Grosso do Sul. Fenômeno oceânico-atmosférico, La Niña caracteriza-se pelo resfriamento anormal nas águas superficiais do Oceano Pacífico Equatorial. Suas características são opostas às do fenômeno El Niño (aquecimento anormal das águas do oceano Pacífico).

Aroldo de Oliveira ressaltou, porém, que, de 18 a 24 de janeiro, as chuvas devem ser menos frequentes na região.

(Agência Brasil)
Mais informações
 
Collor anuncia que é pré-candidato a Presidente da República
Defesa de Temer pede arquivamento de inquérito sobre portos
Governo recorre ao STJ para garantir Cristiane Brasil como ministra do Trabalho
Aumenta número de notas zero nas redações do Enem
Inflação do aluguel acumula queda de 0,34% em 12 meses
Moro ordena transferência de Sérgio Cabral do Rio para o Paraná
Operação investiga importação fraudulenta de equipamentos médicos no RS e em 17 estados
Marun admite que ainda não tem votos suficientes para a reforma da Previdência
Aumenta a oferta de emprego na indústria brasileira, diz CNI
Maia: reforma da Previdência é prioridade, mas sem otimismo quanto à aprovação
Jornalista morto em casa teria levado cerca de 30 facadas
IGP-10 registra inflação de 0,79% em janeiro
Confiança do consumidor fecha 2017 estável, mostra indicador do SPC Brasil
Mercado projeta inflação de 3,95% e crescimento do PIB de 2,7%, em 2018
Marun: cenário para aprovar reforma da Previdência é melhor do que em dezembro
 
 
   
publicidade - anuncie
   


Ademar Fagundes
Jornalista e Radialista


Aldoir Rodrigues Nepomuceno
Advogado e Jornalista


Terezinha do Carmo
Pedagoga

Outros Colunistas (...)
Inicia 1ª Copa Ramo Agrícola CER Santos de Futebol de Campo
Teve início, no sábado, 13 de janeiro, a 1ª Copa Ramo Agrícola CER Santos de Futebol de Campo. A primeira rodada contou com bom público e apresentou o seguinte resultado. Davi Canabarro 2 x 0 Veter (...)
PRF alerta sobre cavalos abandonados na BR-285 em Lagoa Vermelha
A PRF atendeu uma ocorrência de animais soltos na rodovia na manhã deste domingo (14), no km 193 da BR 285 em Lagoa Vermelha. Essa é a sexta vez que os mesmos animais são retirados do local. A equ (...)
CDL promoveu entrega oficial dos prêmios da Compra Premiada
Câmara de Dirigentes Lojistas de Lagoa Vermelha, sob a presidência de Rafael Nepomuceno, realizou a entrega oficial, na AABB, dia 12, da entrega premiação alusiva a Compra Premiada, edição 2017, onde (...)
Edeivison Vigo continua na presidência do Lagoa Futsal
Nesta semana, através de reunião realizada no Ginásio Adolfo Stella, ficou definida a nova diretoria do Lagoa Futsal para esta temporada. Edeivison Vigo continua como presidente. Os demais membros da (...)
Zanchin destaca sanção de novas medidas para a segurança
O deputado estadual Vilmar Zanchin (PMDB) ressaltou a importância de o Governo do Estado ter sancionado, nesta quinta-feira (11/1), 18 projetos de lei do pacote da segurança aprovado em dezembro na (...)
 
  Página Inicial | Contato | Empresa | Lagoa Vermelha

Simples.net Solucões Inteligentes